segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Curitiba... ainda novidade

Em Curitiba, acostumando com os poucos dias de sol, com a garoa, com o novo. Como boa libriana equilibrando de um lado a tristeza e a decepção e do outro, a felicidade de acordar a cada dia diante de um admirável mundo novo. Do qual eu ainda preciso me enquadrar, perguntando sobre que ônibus pegar, onde almoçar, de ter que planejar, se reorganizar, voltar a treinar, começar dos 4°s 5°s, investir em paciência e na persistência.É isso, em breve prometo postagens mais alegres sobre as peripécias de quem está voltando a treinar.

Agora faço das palavras de Clarice Lispector as minhas...


A nova vida. Tente. Busque novos amigos.
Tente novos amores. Faça novas relações.
Almoce em outros locais,
vá a outros restaurantes,
tome outro tipo de bebida, compre pão em outra padaria.
Almoce mais cedo, jante mais tarde ou vice-versa.
Escolha outro mercado...
outra marca de sabonete,
 outro creme dental...
Tome banho em novos horários.
Use canetas de outras cores.
Vá passear em outros lugares.
Ame muito, cada vez mais, de modos diferentes.
Troque de bolsa, de carteira, de malas,
 troque de carro, compre novos óculos, escreva outras poesias.
Jogue os velhos relógios,
 quebre delicadamente esses horrorosos despertadores.
Abra conta em outro banco. Vá a outros cinemas,
outros cabeleireiros, outros teatros, visite novos museus.
Mude.
Lembre-se de que a Vida é uma só.
 E pense seriamente em arrumar um outro emprego, uma nova ocupação, um trabalho mais light, mais prazeroso, mais digno, mais humano.
Se você não encontrar razões para ser livre,
invente-as. Seja criativo.


Trechos de mudança (Clarice Lispector).

4 comentários:

  1. Não desanima não !!! a vida tem seus altos e baixos, lembre-se, sucesso é ir de fracasso em fracasso sem perder o entusiasmo. Só assim a gente cresce e aprende.

    Braços

    ResponderExcluir
  2. Eliza , tenho lido regularmente seu Blog.
    Gosto muito do que escreves e como escreves.
    Identifico-me.
    Algo passa dentro desse coração...no meu também.
    Mudanças...tenho há anos convivido com elas...minha vida tem sido de muitas mudanças e sempre eu em busca dessa alegria e liberdade sonhada,almejada.
    Paz para seu coração.
    Alegria para seus dias!
    Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Oi menina! Que bom que apareceu!! Como boas librianas que somos vemos um pouco de melancolia mas não pouca alegria em cada momento que vivemos...E mudar é sempre bom, traz expectativa, desafio, você vai ver, quando menos espera algo novo e belo pode acontecer. E, meu deus, você está no melhooorrr lugar pra se escalar, que inveja! Aproveite Anhangava por mim. Já entrou em contato com a Lu Maes, ela é uma querida, mora no 5.13 agora se não me engano. Boa sorte e beijos!

    ResponderExcluir
  4. Oi florzinha, já tá na capital então....
    O que posso te dizer é que toda mudança causa conflitos emocionais e vivenciais, mas a gente sempre se acostuma..só questão de adaptação...
    felicidades!!!aproveita a Campo e as montanhas.
    bjos

    ResponderExcluir