terça-feira, 22 de março de 2011

"Em busca da sapatilha perdida..."Cinderela low precision"!!!


              Comecei a semana triste com o sumiço de um pé da minha sapatilha de ginásio... Quando abri a mochila no sábado percebi que só tinha um pé. Revirei a campo base, fiz buscas na minha casa, liguei para a Gio pra ver não tinha ficado no carro... Enfim, nem sinal da minha sapatilha.
       Revolta... Ela tinha recém vindo da ressola, estava super precisa. E justo agora que eu estava malhando duas vias de precisão fiquei sem sapatilha... Como malhar essas vias sem sapata? Como entrar nas vias guiadas com a sapatilha sabão? Como comprar outra sapata com enormes despesas previstas para o próximo mês?  
        Conspirando contra minha evolução na escalada, outros problemas, que fizeram com que eu pensasse na possibilidade de fugir de Curitiba pra casa da minha mãe e nunca mais voltar. Sem contar em uma distensão medonha que ganhei entrando em um diedro sem aquecer.
Diante desse pequeno caos, Gio na tentativa de me consolar escreveu uma histórinha que com certeza dará nome de via.
Vale a pena, a mensagem é muito bacana...


"Em busca da sapatilha perdida..."Cinderela low precision"!!! Por Giovanna Malatesta



"Em busca da sapatilha perdida..."Cinderela low precision"!!! Isso dá nome de via!rsrsrs Acredito que o Salonguinho Caveira pode ter pego na surdina para estudar a possibilidade dessa cordada pouco divulgada, exigente e temporariamente abandonada sofrer algumas reavaliações.
Um projeto que merece ser aberto para experiências fortalecedoras, dando uma chance, reconhecendo os esforços de quem deixou cair uma sapatilha entre treinos e sonhos persistentes e até teimosos (de um granito esturricado de seco)!
 Little Salong deve estar querendo avaliar se é só a sapa mesmo que está faltando para aumentar a pressão na via... ou ainda quer sentir se o comportamento da fantasia eminente que, varia entre o estado de glamour e o estado de abóbora, pode tb ser considerado gerador de instabilidade relevante ou se poderá ser passiva de conscientização e controle quando executada com uma atitude corajosa e ausente de conflitos... agora é preciso ter paciência e serenidade para aguardar...
Se for preciso o maguina pode amenizar a ansiedade em suas mãos. Acho que Little Salong Caveira Chong irá permitir tentativas de resgate do sapatinho de borracha da climber Cinderela, e, dará valor para o comprometimento roots superado, de forma guerreira e disciplinada, aos escaladores de uma sapa só, que dominarem as conspirações ilusionistas e atentadoras que os penadinhos de Castle Base Camp desenvolveram para a seleção de criaturas que representarão persistentemente, focadas na evolução permanente do movimento,.
 As criaturas que serão merecedoras da responsabilidade serão guardiões dos poderes das lendas eternizadas. Suas mensagens sutis deverão ser protegidas de seres que ainda não estão preparados para entender e compartilhar essa paixão da nação de pedra pelo climb. Sendo assim, será mantida a dificuldade de ascensão para a vida real de Rock Castle Rock! Por isso creio que "Cinderela low precision" tem potencial para ser um marco, podendo ser considerada a via clássica que liga Castle Base Camp à Rock Castle Rock. Delicada, forte e desafiadora tornar-se-a a preferida dos caveiras!
Mas procure ficar tranquila Gata Borralheira... Se o mestre Che Salong Caveira determinar que é merecida a devolução da sapatilha perdida ou confiscada da Miss Cinderela aí quem ficará devendo 3 cruxzinhos de um 8a da Castle Base Camp será ele!!! E em sinal da confiança estabelecida para cadená-la terá também acesso livre para Rock Castle Rock com direito a parceria de sua amiga aspirante Rapunzel que desceu de sua Torre e está louca para escalar e interiorizar de forma livre, longe do confinamento provocado pela umidade.
Com respeito e reconhecimento pela paixao e garra na escalada peço a Salonguinho que seja prudente, justo e rápido em suas percepções: KMONNN Che Salong... A Cinderela já ta com sangue nos zóio, é melhor aparecer logo pq essa gata borralheira vira uma fera e não é de ficar dando mole não, faz força, escala no liso, te alcança e ainda te prega uma faca!!! HA!! Rapunzel em estado meditativo na Torre tentando convencer Saint Drope a investir energia solar na atmosfera terrestre por escaladores mais felizes!!!"

Hoje, terça feira, mais conformada, posso dizer. Aqui estou, firme nas escaladas, sem malhar as vias de precisão, mas refazendo os 6°s... Ganhando uns 7°s mesmo com a sapatilha sabão.
Isso tudo foge as minhas metas, passa longe dos meus objetivos, mas é o que tenho pra evoluir no momento.

Logo: Na busca pela sapatilha perdida e pela constante evolução.

Nenhum comentário:

Postar um comentário